Cobogó

Já ouviu falar em Cobogó?
O Cobogó é um elemento vazado que permite além da passagem da luz, a ventilação natural filtrada (o vento não passa com tanta força) e confere privacidade para o espaço.
Esta palavra é regional. Foi um termo criado no Recife (patenteado no ano 1920) por três engenheiros: Amadeu Oliveira Coimbra, Ernst August Boeckmann e Antônio de is. Eles juntaram as iniciais dos seus sobrenomes para batizar a peça que eles criaram.
documento oficial registro
Esta foto foi retirada do site  http://www.cobogodepernambuco.com

Não existem dados precisos, mas há relatos da família Boeckmann que indicam que a ideia do Cobogó tenha surgido em uma viagem que o Ernst Boackmann fez para a Índia e teve contato com as treliças de madeira usadas na arquitetura local, os muxarabis.
influencia indiana
Os muxarabis (Mashrabiya) são elementos da arquitetura árabe. São treliças de madeira que eram instaladas nas varandas e janelas das casas para permitir a iluminação e ventilação naturais de forma que as mulheres não fossem vistas da rua.
anualdesign-a-origem-do-cobogo-20140613102322  anualdesign-a-origem-do-cobogo-20140613102454
O projeto original do Cobogó era em cimento, mas atualmente ele é confeccionado em diversos materiais como cerâmica, madeira, vidro, porcelana e porcelanato.

Veja alguns exemplos de aplicação:
3b85604f683ea7796d80be37b76887a2  3deb4c31304ad085bbba0673ba1494e8
19c4a0737b1237bd20062838860667ef 83dee7b9ac2d996c171fe0b7f3ffea09

Uma característica muito forte do cobogó é o desenho que ele projeta no piso e nas paredes com a incidência direta da luz solar:
cobogó e sol

E a aplicação na fachada cria texturas muito interessantes!
2a9908fb0c06bdc99f3ca7f2285a3c30  c64fb2c8c5ec97e1a8f4dc28c0ebcf72

Já pensou em usar um elemento vazado na sua casa?
exemplos 1
Uma curiosidade: Existe uma lenda de que os Muxarabis filtram a energia, deixando livre a luz da alma, e que a luz que atravessa estas treliças formam o desenho projetado de um caleidoscópio, nos ensina que nada é definitivo, tudo se transforma e  nos mostra um novo olhar para as coisas. 🙂
Refúgio do artista cobogós
Nós usamos Cobogós na escada do Projeto Refúgio do artista:
Veja o projeto completo aqui!

Referências bibliográficas:
http://portalarquitetonico.com.br/cobogo/
http://www.anualdesign.com.br/blog/5887/a-origem-do-cobogo/
http://ecohabitararquitetura.com.br/blog/cobogos-que-isolam-som/
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=elementos-vazados-protecao-acustica-ambientes&id=010160100823
http://silianimorettidecora.com/2013/11/19/muxarabis-ou-cobogos/
http://cobogodepernambuco.com/wp-content/uploads/2013/07/Pesquisa-Cobogo-de-Pernambuco.pdf
http://www.anualdesign.com.br/blog/5887/a-origem-do-cobogo/
http://mundodecorado.blog.br/2014/08/inspiracao-que-vem-das-indias/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s