Qual é o seu elemento?

O Feng Shui trabalha bastante com a Teoria dos Cinco Elementos, e cada pessoa tem características predominantes de um desses 5 elementos. É você com certeza tem características de mais de um elemento, mas um deles predomina! Leia as descrições e identifique o seu elemento! 🙂
5elementos menor ordem

TERRA
Sierra Exif JPEG

A Terra corresponde ao fim da primavera e começo do outono. É a mãe, que produz e sustenta. A terra recebe e contém todos os outros elementos, transforma as energias que não servem mais  e renova a vida. 

O elemento terra é bastante intuitivo, a terra é a personalidade mais sensível entre os cinco elementos. É o próprio Yin, é receptiva, caracteriza o desenvolvimento físico do corpo, o intelecto, a espiritualidade. A terra é um elemento muito importante, pois é o sentimento. O elemento terra permeia todos os outros elementos da medicina tradicional chinesa. É na terra que está a semente da árvore (madeira), que germina irrigada pela água, o fogo queima a madeira que vira cinza e volta para terra; o metal acumula-se no interior da terra.

O sentimento da terra é a preocupação, está constantemente preocupada com alguma coisa, sua cabeça sempre tem mil coisas, nunca pára nem para dormir. Um ser pensante. Pensa muito antes de fazer alguma coisa. Na verdade é o elemento que pensa nas melhores estratégias, tem as melhores idéias porém se enrola para colocá-las em prática. É o elemento que sempre precisa de alguém para dar um empurrãozinho. Se deixar, a terra fica girando em torno se si mesma e não sai do lugar. Ilustramos esse elemento como o próprio planeta Terra que roda, roda, roda e… roda… e não sai do lugar.

Não suporta mudanças muito radicais, assim continua trabalhando no mesmo lugar  até alguém lhe abrir os olhos e lhe mostrar outra saída! O elemento terra tem muita aptidão para área da saúde que possui um contato direto com pacientes, por sua paciência e sua dedicação com os outros. Por outro lado sofre com os problemas alheios e precisa sempre se equilibrar, para não levar para sua vida a tristeza dos outros.

Adora cuidar, toma conta de todos a sua volta, muitas vezes pensa muito nos outros e esquece de si, anula-se. Porém cobra bastante tal dedicação, é superprotetora, e quer muito uma palavra de valorização. Sempre faz tudo de coração porém o seu íntimo precisa de uma palavra ou gesto de gratidão.

A terra tem como figura a mãezona, carinhosa e companheira que protege, mima e cuida. Está sempre preocupada, pronta pra escutar e dar conselhos. As pessoas buscam a terra em momentos difíceis, pois sabe que ela pára o que está  fazendo para lhe ouvir. Vive os problemas dos outros.

Gosta de estar por perto das pessoas que se importa, sente-se insubstituível na vida das pessoas. Dedica-se mais aos outros que a si mesma. Importa-se muito o que os outros pensam por isso se cobra muito. A terra fica presa no passado, melancólica. Adora lembrar de histórias da infância e ficar repetindo a frase “no meu tempo…”. É considerada a pessoa querida e boazinha, que acolhe de portas abertas, aceita tudo, não sabe falar “não” e quando escuta um “não” dos outros chora e emburra. Personalidade bastante orgulhosa, enquanto não escuta o que quer, não sorri.

Mãe de metal e controlada por madeira. A terra detém a sabedoria do tempo e da vida. Pode assumir a figura de pacificador e mediador. Procura o contato físico, o abraço, o toque. O indivíduo de personalidade terra se caracteriza-se por ser: reservado, organizado, pensativo, metódico, cuidadoso, crítico, detalhista, passivo, analítico, carinhoso, com tendência a torna-se obcecado e rígido. A terra tem dificuldade de cortar laços e jogar coisas fora (amor, afeto, objetos, etc…).

Perfeccionista ao extremo, gosta de tudo organizado, muito metódica. Assim tem muita aptidão para trabalhos administrativos e financeiros que exigem organização. Gosta de rotina, sempre as mesmas manias, mesmas comidas. O equilíbrio deste elemento reside em nutrir a si próprio, livrar-se do medo, do apego, para poder abrir-se para vida. Deve aprender a passar do pensamento para ação, como se um  fosse a continuação do outro.

O órgão alvo é o estômago, baço e pâncreas. Um distúrbio do elemento terra leva a patologias como: alterções digestivas ( gastrites, úlceras), disturbios de nutrição (obesidade ou anorexias), edemas, prolapsos e ptose de órgãos, hemorragias. O desequilibrio da terra alterando energia de baço inicia o processo de edemas alterando o ciclo das águas faltando água para o intestino, deixando o elemento terra com constipação intestinal. O baço e pâncreas é responsável pela memorização de dados, durante o estudo e trabalho. Assim sendo, se o baço e pâncreas estiverem fortes, o pensamento será claro e a memória, a capacidade de concentração e a produção de idéias serão boas.

TERRA YIN
Sufoca os outros elementos por medo da solidão. Faz chantagem emocional: “cuidei tanto de você, fiz tanto por você…”. Vive com o sentimentos aflorados. Machuca-se muito com pequenas coisas, mas para a terra Yin tudo é intenso, transforma o simples em complexo. Mania de inferioridade e perseguição, acha que tudo acontece com ela. Sente-se vítima eterna da vida!

Muitos pensamentos negativos, dorme demais nas horas erradas, come demais, precocupa-se demais. Tem tendências a transtornos obsessivos compulsivo, isola-se quando contrariada. Problema: adoece sem dar sinais, e adoece pelo emocional.

Seus pensamentos não consegue traduzir nada em ação, seus pensamentos tendem a ser irreais ou simplesmente repetitivos, o que leva a paralisação do baço e consequentemente de todo organismo. Tendência a um comportamento ensimesmado, orgulhoso, isolando-se. Magoa-se com facilidade e mantém uma postura de que não precisa de ninguém (auto suficiente).
Precisa aprender a mudar seu padrão negativo de pensamentos por uma estrutura de afirmações positivas. Enfrentar os problemas sem achar que os problemas destroem mais as terras. Os problemas existem para ser solucionados. E as pessoas a sua volta também possuem problemas e não podem viver em sua função! Você pode, você consegue, e é capaz de enfrentar tudo! Basta querer!

TERRA YANG
Acha que o mundo gira em torno de si, as pessoas tem que entrar no seu eixo. Mantém um comportamento controlador, enxerido, cuidando de tudo e todos. Intrometendo-se no que muitas vezes não lhe diz respeito. E não percebe o que faz.

Os aspectos negativos ocorrem quando passam a exigir reconhecimento pela sua generosidade. Quando começam a impedir o crescimento e o amadurecimento das pessoas que as cercam, tornado-as dependentes de sua ajuda. Possui uma relação de dívida e culpa com o mundo. Ciúmes de pessoas que possam desequilibrar sua estrutura de dominância. Sendo que essa atitude de aparente dominância é na verdade medo  de rejeição.
Precisa aprender a fazer sem esperar algo em troca para evitar frustração. saber seus limites com as pessoas, deixá-las viver para aprender, diminuir a superproteção e dominância. Lembrar que ciúmes é uma dificuldade de aceitação e valorização pessoal.

METAL
Sierra Exif JPEG
O metal simboliza o fim do outono e o começo do inverno. A energia do metal converge sempre para um ponto central. É a mais densa das energias. Tem a capacidade de condensar e coagular. Está relacionada com a disciplina, capacidade de planejamento e avaliação.

O metal é o elemento mais objetivo, traz a energia etérea para ser transformada em energia física. Adquire o ritmo interno da vida: do ter e do deixar ir. É observador, introvertido, inteligente, desconfiado, teimoso, calculista, e às vezes frio. Sua virtude é a honra, presa muito por seu nome, possui um senso ético muito forte. Tem abertura para coisas novas, desapegando-se facilmente das coisas do passado. Sabe que nada é permanente e que é preciso renovar sempre.

Sua energia dá ao corpo a capacidade de movimento, agilidade, equilíbrio e coordenação dos movimentos, bastante realista (pés nos chão), tem noção de limites. Crítico, lógico e racional, sabe usar os artifícios certos para chegar onde quer.

Personifica a figura de um alquimista que junta coisas e transforma em outras. Por sua facilidade com exatas tem facilidade com trabalhos que exijam raciocínio e concentração. É bastante objetivo, portanto dá conta de seu trabalho, porém se enrola se você der mais de uma coisa para o metal fazer de uma vez. É o tipo de elemento que pega pra fazer e finaliza, termina tudo que começa, contanto que seja um de cada vez. Não possuem uma característica muito agradável para lidar com pessoas, portanto trabalha melhor por trás dos bastidores.

Por ser bastante racional, o emocional fica alojado em seu interior, dá sensação de frieza em suas atitudes. O metal sabe cortar muito bem o desnecessário, assim sendo, pessoas também são cortadas de sua vida facilmente. Tem como lema “Ninguém me faz o que eu não permito”. Não será invadido e não invade.

Se importa com o “eu” individualista, possui instinto de reação “bateu-levou”. Faz tudo certo, é muito pontual para seus compromissos, não suporta enrolação. É controlado por fogo (único elemento que derrete o metal) e controla a madeira (tem poder de cortar a auto estima da madeira). Ponto fraco do metal: tem medo de se entregar na mão dos outros, possui medo de se envolver, tem dificuldade de expor seus sentimentos. Tem receio de formar laços duradouros com outras pessoas e repete “eu avisei que eu era assim…”. Bastante sincero, deixa claro quando não quer se envolver. Se fecha aos problemas, participa pouco da vida por medo de se envolver demais ou se arriscar. Guarda mágoas e ressentimentos das pessoas como sua mãe terra.

Possui o outono como estação, o trocar das folhas e renovar. Assume facilmente novas fases no trabalho e na vida. Devolve o que não lhe pertence. Sente dor de forma intensa, não transmite mas não sabe lidar com perdas de pessoas, possui uma tristeza muitas vezes sem causa. Sofre o resto da vida por perdas e mortes. Pode entrar em depressão se não conseguir se conformar com a perda.

Os órgãos alvo são pulmão e intestino grosso. O pulmão sempre renovando o ar com a respiração, responsável pelo sentimento da tristeza do metal, cuida do ciclo das águas no corpo. Ambos órgão controlam o puro que entra e o impuro que sai. Desta forma nunca acumulam restos. Pulmão é pele, muitas vezes a pele transpõe o interior da pessoa. O elemento fogo quando desequilibrado aquece o ciclo das águas e domina o metal desregulando o intestino (colites) e a pele (furúnculos, alergias).

METAL YIN
Se fecham ainda mais para vida, tem muita dificuldade demonstrar seus sentimentos, com medo de se envolver emocionalmente. É tido como uma pessoa fria e sem sentimentos. Tornam-se ainda mais introvertidos, calados e analíticos.  Geralmente estão desequilibrados por tristeza, mágoa e ressentimentos. Isolam-se.

Podem viver perdidos em seus sonhos e memórias, sem nunca chegar a realizá-los. Participam pouco da vida por receio de arriscar. Falta a clareza e a objetividade, se aproxima da personalidade da água yin. Perde a essência de transformar e inovar as coisas. Fica estagnada, por falta de energia com dificuldade de terminar o que começa. Cansaço, insônias e falta de objetividade.
Precisa buscar reestruturar sua energia, só iniciar trabalhos que tenha certeza que finalizará, voltar a ter objetividade, não lastimar todos os pesares da vida, aceitar melhor as perdas. Não se isolar. Arriscar é preciso!

METAL YANG
Bastante rígido em relação aos outros, com opiniões bem definidas, não aceita argumentos, sentem-se muito competentes e ficam ainda mais competitivos. Não aceitam mudanças que não são feitas por ele, acha que tudo precisa ser feito no seu tempo, esquecendo que cada um tem um tempo diferente de fazer as coisas.

Torna-se ainda mais obsessivo e perfeiccionista. Tendência a agressividade, não consegue ouvir os outros, deixa de ter idéias e passa a reproduzir, copiar ideias dos outros. Se acha auto suficiente. Não precisa de ninguém, sente-se capaz de enfrentar desafios. Enfrenta os problemas com frieza e muitas vezes com arrogância. Afasta as pessoas pela postura de pedestal. As pessoas evitam conversar, já que só vão ouvir o quanto ele é bom!
Seu desafio é aprender a ouvir, aceitar idéias e argumentos alheios. Procurar a harmonia para lidar com as pessoas. Buscar controlar a agressividade e tentar ser menos frio.  Viver em sociedade respeitando o limite da cada um.

ÁGUA
Sierra Exif JPEGA água diz respeito ao inverno: representa as emoções, o inconsciente. Medo é a energia negativa ligada ao elemento. A água limpa, refresca e revigora. É o elemento que recebe para conservar.

A  personalidade de água quando em equilíbrio transmite calma em seu olhar e é introspectiva. A água mais escuta sobre os outros do que fala de si, as pessoas a sua volta nunca sabem ao certo sobre o íntimo da personalidade água (nuca sabe-se sobre uma briga em casa e muito menos o que se passa na cabeça de um elemento água). Uma personalidade verdadeira que te olha nos olhos dá conselhos e realmente se importa com você, por isso é considerada uma pessoa muito companheira. Busca pelo duradouro, profundidade em seus sentimentos, muitas vezes ama calada. Não gosta de mudanças, como exemplo: faz sempre o mesmo caminho de volta pra casa, não gosta de explorar o novo.

O potencial da água é criação, e se dá muito bem em artes e trabalhos manuais que dependem de imaginação. Um trabalho que exija mais que isso pode descompensar uma personalidade água. Tem a postura de um filósofo, adora explicar e contar histórias. Bastante cético e espiritualista.

A água faz o que tem que fazer de forma objetiva (se gostar do que está fazendo), caso contrário se perde. Precisa fazer cada coisa no seu tempo, sem muita cobrança. Tem medo de falhas e se frustra ao perceber que perdeu o controle de sua vida. A instabilidade em sua vida gera um desequilíbrio na sua determinação. Precisa do equilíbrio e força do fogo, pois se a água parar a pessoa fica congelada no tempo, sem ação. Desta forma o elemento que combina com a água para fortalecê-la é o fogo, já o elemento que suga as energias da água é terra (a terra precisa de água).

Nunca sabemos o que a água está pensando, um destaque do elemento água são o branqueamento dos cabelos. A água hora faz rio (tranquila) mas também pode fazer inundação, isto quer dizer que a água tem uma personalidade muito forte com isso quando o temperamento de água se irrita se assemelha muito a madeira, possui em seu interior o sentimento de vingança.

O órgão que controla a água é o rim, considerado o estoque de energia vital, responsável pelo ciclo das águas em nosso corpo. É nesse órgão que estão inseridos os problemas de: medo, insegurança, sexualidade e determinação. Pessoas portadoras de Síndrome do pânico e fobias em geral são tratadas equilibrando seu ponto água. Traumas e culpas.

O medo é a característica principal do elemento água. Todas as pessoas precisam deste sentimento que dá limites a vida. Uma pessoa que não tem medo de nada, muitas vezes se torna inconsequente. Por outro lado o excesso deste sentimento limita as ações e as iniciativas. Pessoa do elemento água gosta do natural, nada de plásticas e transformações no que é natural.

A víscera que controla a água é a bexiga. O sentimento é a força de vontade e confiança. A patologia que cerca uma desarmonia é a incontinência urinária. Responsável pela iniciativa de projetar planos e estratégia na vida.

ÁGUA YIN
Tem noção do perigo, tem controle sobre a emoção, possui um caráter reservado, calado, observa muito mais do que fala, odeia discussão, fala diretamente com quem tem que falar, é vista pelos outros como pessoas frias. Pessoas com falta de determinação, pouca ambição (dizendo tá ruim mas poderia estar pior), timidez exagerada, medo e insegurança. Tendências depressivas. O que pode ajudar água Yin? Estar presente no meio social, não se colocar num pedestal, não andar a margem das pessoas, evitar ficar sozinho, não aceitar tarefas que não pode fazer, não deixar tarefas sem fazer.

ÁGUA YANG
É mãe de madeira por isso carrega a personalidade forte, sabe onde quer chegar, gosta de fazer tempestade, não perdoa fácil (carrega mágoas), chega inundando tudo, é explorador, audaz e decidido, criativo, muitas vezes impulsivo e inconsequente (características de madeira), tem um medo interior de não dar certo na vida porém não demonstra, medo de perdas, vive sobre constante stress, gosta de ter dominância sobre as pessoas, dentro de casa gosta de ter controle e impor sua opinião. Tende a agressão. Seu desafio é ser amável.

MADEIRA
Sierra Exif JPEG
O elemento madeira remete à primavera, época em que tudo se inicia, brota e cresce. Está ligado à força para seguir com novos projetos e propostas. Representa o nascimento. Suas características são o movimento, crescimento e expansão.

Uma das personalidades mais fortes entre os elementos. Sempre que se conviver com uma madeira, já saiba que ela não faz por mal, todas as características fazem parte de sua estrutura. Ela é muito franca em seus atos e suas palavras, na maioria das vezes acaba afastando pessoas por seu excesso de sinceridade. Quando não gosta de alguém não finge.

Possui uma postura invejável, simbolizada por uma árvore firme e forte,  sabemos que é muito difícil derrubar uma árvore com suas próprias mãos assim é o elemento madeira praticamente impossível de enfrentá-lo. Defende seu ponto de vista com “unhas e dentes”, mesmo descobrindo que está errado não gosta de dar o “braço a torcer” , a última palavra é sempre da madeira e quando não possui argumentos chora ou grita ou joga objetos (coisas que chamem atenção).

Madeira é sinônimo de ação, se você quer que uma coisa seja feita coloque nas mãos de uma pessoa de madeira, enquanto ela não acabar ela não pára, aliás madeiras nunca param são geralmente rotuladas “hiperativas”, conseguem fazer várias coisas ao mesmo tempo e se orgulham disso! Agem pelo impulso, muitas vezes sem pensar, pois a madeira não é o elemento pensante e sim o elemento que faz acontecer. É a personalidade que sabe o que tem que ser feito, muito decidida em seus atos, não admite erros se cobra demais, porém não deixa que ninguém cobre dela. Uma madeira subordinada muitas vezes se desequilibra fácil, principalmente se tiver que se submeter a ordens das quais acha não ser a correta. Não gosta de trabalhar em algo que não acredita.

A madeira tem muito sucesso em papéis de lideranças, chefias, cargos de tomada de decisões, onde a ação é o ponto fundamental. Essa personalidade foi criada para o mundo e não só para o lar. Você já viu uma árvore crescer dentro de casa? Pode até crescer, mas será vista melhor se for plantada fora de casa. Assim é a madeira, pessoas de personalidade madeira se desgastam se tiverem que passar a rotina de uma casa, dessa forma surgem as patologias que nenhum exame é capaz de identificar, desta forma ela é retalhada aos poucos, problemas hormonais que geram histerectomias, medicações fortíssimas para controlar dores que não possuem uma resposta… porque o único problema é que a madeira precisa sair de casa.

Por natureza a madeira é tensa e quando é colocada em alguma situação de tensão, surgem problemas relacionados a stress. São pessoas que estão mais propícias a terem problemas de nervos, tendões e músculos. Bursites, tendinites, ciatalgias, ATM (contratura na articulação da boca), cefaléias e enxaquecas tensionais, e outras patologias que envolvem o stress de madeira. Personalidade que possui como figura “um general” que pisa firme quando anda, possui a fala como lei, é autoritário e explosivo quando se sente ameaçado. As principais características de sua personalidade são: decidida, competitiva, inflexível, expansiva, independente, confiante, compulsiva, inquieta, ciumenta, irritada e agressiva. Gosta de movimentos (viagem, esportes, badalações, festas, danças).  É o elemento que sabe falar “não” porém não sabe escutar “não”. Possui dificuldade para lidar com frustrações.

Tudo que é do belo é da madeira, é muito vaidosa, gosta de chegar e ser apreciada, chamar a atenção. Adora ser elogiada e faz questão  de demonstrar isso. Tem ambição para as melhores coisas no mundo. Quer chegar na frente, gosta de dormir porém tem em sua mente que dormir é perder tempo. Devido a essa personalidade ágil: dorme tarde e acorda cedo.

Os órgão que regem a madeira são: fígado e vesícula biliar. O único elemento que controla madeira é o metal que se torna um relação difícil, já que o metal CORTA a madeira, sempre abre nos olhos. Filha do elemento água traz algumas características positivas da mãe quando está equilibrado como: ser justa e honesta, quando desequilibrado pode adquirir a vingança de herança da água. O sentimento que domina a madeira é a raiva.

MADEIRA YIN
Quando a personalidade de madeira está desequilibrada com a falta de yang, a madeira passa a ter a energia contida, não conseguindo se expressar abertamente, torna-se agressiva e com mania de perseguição, achando que o mundo está contra ela. Em análises percebe-se que esse desequilíbrio são de madeiras que estão presas em casa, gerando frustração, já que tem noção que é muito capaz lá fora. Possui sintomas depressivos ligado a frustração e ressentimentos, tem pouca iniciativa, surge uma certa timidez perante os desafios, não consegue concluir nada que começa, diminui acentuadamente a capacidade de criatividade (herdada de sua mãe água), dificuldade de planejamento, explosões momentâneas, implosões de maior frequência dando espaço as “…ites” tendinites, bursites, artrites,… e fibromialgias. Geralmente a pessoa fica com mais sono, dorme até mais tarde, tende a acordar cansada e se pergunta o tempo todo: “O que há comigo sempre fui tão dinâmica? Não me reconheço mais”. Sintomas: sensação de mãos atadas, depressão, irritabilidade, melancolia, angustia no peito, problemas menstruais, TPM, sensação de bola na garganta, impaciência e alteração de humor. Riscos futuros: depressão e câncer.

Para buscar o equilibrio, além da acupuntura é preciso exercitar a intuição, redescobrir sua força interior, ganhar segurança sobre si, reduzir a dominância dos outros em sua vida, dar mais ouvido aos outros.

MADEIRA YANG
Está bem próximo a personalidade de fogo, torna-se mais inquieto passando por cima dos outros para conseguir o que quer, não observa o que está em sua volta, fica mais intolerante, crítico e egoísta. Gera ansiedade, incerteza e insegurança. Torna-se extremamente desconfiado. Os sintomas: ansiedade, insônia, olhos ressecados, dor de cabeça nas fontes latejante, diminuição de memória e sonhos excessivos, trismos(trava a articulação da boca), mal humor de fúria, obstipação. Riscos futuros: problemas cardíacos e AVC(s).

É necessário acalmar e cultivar a disciplina, reencontrar a paz interior e entrar em sintonia.

FOGO
Sierra Exif JPEGEstá relacionado ao verão. É forte, seco, quente e animado. Sua energia é ardente, ou seja, vai para cima, como o próprio fogo. Este elemento que nos impulsiona a alcançar a fama e o sucesso nas empreitadas. Euforia é a emoção negativa associada a esse elemento.

Elemento que ainda carrega a alegria de viver de uma criança, possui brilho e força intensa, comunicativo ao extremo, sorridente, sempre considerado um grande amigo, pois sempre tem tempo para conversar com os amigos! Um elemento fácil de agradar, basta saber ouvi-lo e levá-lo para passear… o fogo gosta de estar entre pessoas, conversar sobre tudo. Está sempre antenado e tenta acompanhar todas as conversas a sua volta. É um elemento que não guarda raiva dos outros, esquece rápido os problemas. Mesmo quando tem assuntos mal resolvidos tenta agir o mais diplomata possível. Mas é orgulhoso com pessoas próximas (cônjuge, pais, irmãos e filhos).

Quando bem equilibrado consegue separar bem os problemas do trabalho da rotina de casa. Mas quando não equilibrado tem problemas para dormir… não conseguem ter um sono duradouro, a princípio acorda várias vezes durante a noite, possui sonhos de perseguição que está subindo, correndo e fugindo. Geralmente inicia-se com medicações para dormir, o problema é que qualquer medicação no elemento fogo em 6 semanas vira água e há necessidade de aumentar a dose para tentar algum efeito. No entanto basta tentar equilibrar esse fogo. Em algumas sessões de acupuntura aumentamos o Yin e o fogo volta a dormir.

Tem a postura de um imperador. O elemento fogo simboliza a energia Yang no seu estágio mais radiante e expansivo. Essa fase é representada pelo verão e meio-dia. O fogo acolhe a urgência por movimento e envolvimento, filho de madeira o que lhe dá a razão de viver, a consciência e a auto-estima. Só a água é capaz de apagar o fogo. As pessoas de fogo escutam muito os conselhos de pessoas de água! O elemento fogo precisa de um pulso firme por perto, ou se perde. A personalidade fogo se resume em: dominante, comunicativo, alegre, espontâneo, agitado, impaciente, extrovertido, social, bastante ativo, organizador de eventos, gosta de expressar idéias e opiniões, seduz o mundo, gastadores compulsivos. Dificilmente tem inimigos, mas é claro que existem aqueles que invejam seu modo de viver com alegria. Gosta dos prazeres da vida e estima muito a qualidade de vida. As pequenas coisas são capazes de fazê-lo feliz como dormir, comer… Pessoas de fogo adoram dormir. Só trocam o “dormir” por uma boa balada!

Elemento que se destaca muito em vendas, comércio, política, cargos que necessitam de contato com pessoas; por ter o dom da palavra e do convencimento. Tem perfil de empresário, e conquista seus empregados estimulando cada vez mais seu empreendimento. Porém existe uma característica bastante importante do fogo que é o “saber enrolar”, sabe mentir muito bem. Esse elemento é capaz de inventar uma história e realmente acreditar que ela existe. É capaz de vender um produto que não acredita, para se sair bem. É aventureiro em todos os aspectos, não tem medo de nada e essa falta de limites pode desequilibrar o fogo. Outro item que pode desequilibrar o fogo é a ganância e o poder. Aspectos que cegam o fogo e o tornam totalmente fútil e materialista.

O órgão que rege o fogo é o coração, desta forma a circulação é a principal prevenção de uma pessoa de fogo. No elemento fogo o primeiro órgão a ser atingido energeticamente é o coração, assim sendo se o fogo está muito alto a água tenta apagar desta forma desestabiliza o rim, consequentemente problemas renais são comuns na personalidade fogo.

Existe uma dupla personalidade do elemento fogo, que apenas quem convive com um é capaz de perceber. O fogo enquanto está no meio de pessoas, em festas, aulas, trabalho… é o centro das atenções. Conversa, dá risadas, fala alto; porém quando entra em casa se sente carente e depressivo, fica amuado, se isola, se acha incapaz. São pessoas extremamente envolventes mas por dentro sempre parece faltar alguma coisa! Os maiores índices de suicídios e depressões são do elemento fogo. Quando os amigos ouvem que um fogo está em depressão dão risada, porque não conhecem as dúvidas e melancolias internas que o fogo esconde. Desta forma o fogo precisa se manter equilibrado, para não entrar em estagnação. É exatamente como se houvesse uma mudança entre Yin e Yang todos os dias.

FOGO YIN
Quando o fogo está na fase Yin, ele fica preso no mundo da imaginação e dos sonhos, angustiado, instável, fica se repetindo “ninguém me ama ninguém me quer!”  não se acha amado e não tem capacidade de se fazer amar,  tende a seriedade com tristeza sem causa, tendência a solidão, não se dá valor. O fogo pode entrar nesta fase várias vezes durante uma semana, o problema é o fogo entrar nesta fase e não mais sair!

O seu desafio é conservar sua energia e usá-la com moderação, aprender a expressar seus sentimentos e suas necessidades. Acordar todos os dias querendo um algo mais, em busaca de novas amizades e novas conquistas. Procurar estar entre as pessoas que lhe agradam, evitar a solidão! Valorizar seu ego e perceber o quão importante você é para o mundo!

FOGO YANG
Na fase yang  fogo, ele é exagerado, irresponsável, impulsivo faz as coisa muito sem pensar, não consegue ter firmeza, se torna extremamente desorganizado, se torna inconsequente e incoerente, perde seus limites. Não consegue terminar nada que começa, se enrola nos seus próprios negócios, se perde. Pega um pensamento e não desgruda, cria coisas onde não existem, pouca persistência, desiste fácil.

É necessário dosar os limites, saber reconhecer os erros e não repeti-los. Ser mais organizado, só começar uma coisa depois que terminar o que está fazendo agora! Equilibrar seus pensamentos e idéias. Saber a hora de parar, pensar antes de agir. Não usar todos os meios possíveis para se conseguir o mérito. Tentar manter a qualidade de vida acima da ganância. As idéias ficam mais claras quando a mente está aberta! Sonhar é preciso porém não se pode deixar de ter os pés na realidade.

E ai? Descobriu qual é o seu elemento? 🙂

Fonte:
Texto sobre os elementos: https://portaloriental.com.br/category/os-cinco-elementos/
http://equilibriomentecorpo.blogspot.com.br/2008/08/cinco-elementos-que-pem-o-corpo-em.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s